As contribuições de Waldisa Russio para a Pesquisa e Docência em Museologia

Seminário O Legado de Waldisa Russio para a Pesquisa e Docência em Museologia
Organização: equipe do Projeto Jovem Pesquisador “O Legado de Waldisa Rússio para a Museologia Internacional”

Formato: On-line

Estrutura: 1 sessão de abertura e 3 mesas-redondas (em 2 dias preferencialmente seguidos)

Data: 18, 20 e 25 de outubro de 2021

Apresentação: Waldisa Rússio nasceu em 1935 em São Paulo, formou-se advogada pela Faculdade de Direito do Largo São Francisco na USP e foi pioneira na realização de pesquisas de mestrado e doutorado na Escola Pós Graduada de Ciências Sociais da FESP-SP na área de Ciências de Museus, com temáticas ligadas a reflexões críticas acerca do papel dos museus no desenvolvimento social no Brasil.

Atuou, entre 1957 e 1990 como funcionária pública do Estado de São Paulo, onde iniciou sua trajetória na área da Cultura, participando da viabilização de diversos projetos de políticas públicas de cultura e da reestruturação e criação de museus como o Museu da Casa Brasileira, o Museu de Arte Sacra e a Casa Guilherme de Almeida.

Ao final da década de 1970,  a convite de Pietro Maria Bardi, foi a responsável pela criação do Curso de Especialização em Museologia em uma parceria entre o MASP e a Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo, o primeiro em nível de Pós Graduação a ser ministrado no Estado e no País. Enquanto coordenadora do curso e diretora do Instituto de Museologia de São Paulo viabilizou estágios, bolsas de estudo e oportunidades de trabalho para muitos dos seus alunos, além de ser orientadora de algumas dissertações e teses na área de museologia no âmbito da Escola Pós Graduada de Ciências Sociais da FESP-SP.

Além da sua atuação como docente e técnica da administração pública, Waldisa foi uma das mais importantes teóricas do campo da Museologia em âmbito nacional e internacional, sendo a responsável pela conceituação do Fato Museal e pela afirmação dos museólogos e profissionais de museus como trabalhadores sociais.

A proposta deste Seminário é discutir e propor reflexões sobre o legado da museóloga para a docência e para a pesquisa na área de Museologia, como uma forma de compartilhar com a comunidade acadêmica os resultados alcançados ao longo do desenvolvimento do Projeto Jovem Pesquisador FAPESP “O Legado Teórico de Waldisa Rússio para a Museologia Internacional” entre os anos de 2017 e 2022 no IEB-USP.

 

Justificativa: A presente proposta se justifica pelo caráter de difusão científica inerente aos projetos de pesquisa acadêmicos desenvolvidos no âmbito da Universidade. O principal objetivo do evento é compartilhar os resultados do projeto de pesquisa em questão, desenvolvido no IEB-USP entre os anos de 2017 e 2022, com a comunidade acadêmica das áreas de museologia, de políticas culturais e de temáticas correlatas em âmbito nacional e internacional.


Programação:


(18/10)
14h – 14h50 – Sessão de Abertura:

  • Sônia Salzstein – Diretora do IEB-USP
  • Viviane Sarraf – Pesquisadora Responsável pelo Projeto Jovem Pesquisador FAPESP e Professora do Programa de Pós Graduação em Culturas e Identidades Brasileiras – IEB-USP e PPGMus-USP
  • Maria Cristina Oliveira Bruno – Pesquisadora Associada do Projeto e Coordenadora do PPGMus-USP

15h – 17h – Mesa 1: O Legado de Waldisa Rússio para a Docência em Museologia

  • Judite Primo – Coordenadora da Cátedra Cultura, Cidadania e Educação – Universidade Lusófona
  • Cecília Machado – Coordenadora do Curso Técnico em Museologia da ETEC Parque da Juventude
  • Manuelina Duarte Candido – Professora do Curso de Museologia da Universidade de Liége – Bélgica

Mediação: Maria Cristina Oliveira Bruno – Pesquisadora Associada do Projeto e Coordenadora do PPGMus-USP



(20/10)
14h – 16h – Mesa 2: O Legado de Waldisa Rússio para a Pesquisa em Museologia – Pós Graduação

  • Vânia Brayner – Professora Associada do Programa de Doutoramento em Museologia e Patrimônio da Universidade Lusófona
  • Paula Talib Assad – Coordenadora de Processos Museológicos do Museu da Cidade e  Mestranda do PPGMus-USP/ ex-Bolsista de Treinamento Técnico FAPESP junto ao Projeto JP
  • Karoliny Borges – Mestre em Culturas e Identidades Brasileiras – IEB-USP/ex-Bolsista de Mestrado FAPESP junto ao Projeto JP

Mediação: Viviane Sarraf – Pesquisadora Responsável pelo Auxílio Jovem Pesquisador FAPESP


(25/10)
14h – 16h – Mesa 3: O Legado de Waldisa Rússio para a Pesquisa em Museologia – Graduação

  • Sophia de Oliveira Novaes –  Graduanda em Arquitetura – FAU-USP e ex-bolsista de Iniciação Científica do Projeto JP FAPESP
  • Taís Costa Monteiro – Graduanda em Artes Visuais – ECA-USP e bolsista de Iniciação Científica do Projeto JP FAPESP
  • Camila Seebregts – Graduanda em Ciências Sociais – FFLCH – USP e bolsista de Iniciação Científica do Projeto JP FAPESP

Mediação: Leonardo Arouca – Bolsista de Treinamento Técnico do Projeto