Eleição para representação Discente de Pós-Graduação junto aos Colegiados do IEB

ELEIÇÕES PARA REPRESENTAÇÃO DISCENTE mandato 2021/2022

Portaria 006/2021  – publicada no Diário Oficial do Estado em 21 de agosto de 2021, Poder Executivo, Seção I, página 212.

Portaria 009/2021 (Prorrogação do Prazo de Inscrições) – publicada no Diário Oficial do Estado em 17 de setembro de 2021, Poder Executivo, Seção I, página 117.

Em função da ausência de candidatos inscritos no período previamente definido na Portaria IEB 006/20.08.2021, comunicamos  a prorrogação do período de inscrições até o dia 30 de setembro às 23h59.

Fica alterado o cronograma, como segue:

Calendário das Eleições para a Representação Discente em 2021:

Até 30.09 Inscrições individuais ou por chapas
04.10 Deferimento das Inscrições e Publicação dos candidatos no site do IEB
07/10 Prazo para recursos
13.10 Divulgação da decisão sobre os recursos no site do IEB
18.10 Envio pelo SAE de endereço do sistema de votação aos eleitores
19.10 Eleições Eletrônicas
20.10 Divulgação do resultado da votação no site do IEB
Até 25.10 Prazo para recursos
27.10 Divulgação da decisão sobre os recursos
Homologação do resultado
Publicação no DO (início do mandato)

 

Ficha de INSCRIÇÕES INDIVIDUAIS

Ficha de INSCRIÇÕES de CHAPAS


Sobre a Representação Discente:

Representantes discentes (RDs) é o nome dado, dentro de uma instituição de ensino superior, aos estudantes que participam dos órgãos colegiados daquela instituição. Na Universidade de São Paulo, mais especificamente no IEB, a representação se dá no Conselho Deliberativo (CD), Comissão de Pós-Graduação (CPG), Comissão de Apoio Administrativo e Financeiro (CAAF), Comissão do Programa de Aperfeiçoamento do Ensino (PAE), CEQUALI (Comissão de Espaços e Qualidade de Vida) e CDH (Comissão de Direitos Humanos)

Os Representantes Discentes devem estar regularmente matriculados no Programa de Pós-Graduação do IEB “Culturas e Identidades Brasileiras” e deverão ser eleitos por seus pares com mandato de um ano. Sua função é representar, dentro daquele colegiado, os interesses do conjunto dos estudantes. Durante seus mandatos, os RDs têm direito “a voz e voto”. É membro pleno do órgão ao qual foi eleito e participa de todas as decisões que esse órgão toma, expondo as ideias dos estudantes sobre os assuntos discutidos e também tem poder de voto.

Dentre as atividades de um Representante Discente, incluem ouvir e debater opiniões com os alunos sobre os diversos temas que envolvem a vida acadêmica no Instituto, e divulgar entre os demais alunos, as decisões daqueles colegiados e comissões por meio das pautas, atas, reuniões etc.

A participação dos estudantes nos colegiados e comissões é assegurada pela Constituição Federal no artigo 206, inciso VI e também na Lei de Diretrizes e Bases da Educação, além de diversos artigos na constituição estadual e estatuto da USP.

Regimento Geral da USP Artigos 222 a 232